//
você está lendo...
LIVRO - GESTÃO ESTRATÉGICA

[E-BOOK GRÁTIS]: Aprendizados e Desafios da Gestão Estratégica Corporativa de Uma Forma Executiva e Prática

Aprendizados e Desafios

Olá amigos tudo bem!

É com imensa satisfação que estamos disponibilizando esse E-book totalmente gratuito para toda a comunidade e amantes pela área.

Este livro foi baseado em um diário descrito de todos os acontecimentos comigo, sejam positivos e de melhorias, livros que li, nas atividades profissionais, em conversas diversas com vários profissionais e reuniões.

Onde depois de quase 2 anos lendo e relendo conseguir visualizar suas coerências e interligações, mas foi quando utilizei uma técnica do passado em um episódio recente, que decidi descrever isso em um livro e compartilhar com todos, afinal se me ajudou pode talvez ajudar outros profissionais.

Finalmente agradecer a você querido leitor, que está me proporcionando a oportunidade de mostrar a minha pequena contribuição para melhorar a sua estratégia como um todo e gestão corporativa.

Posso dizer que o grande objetivo deste livro é ser um guia de bolso, direcionando para o Profissional na área de TI e Gestores, como também abrangendo de forma macro todas as áreas de forma motivacional e científica, mas principalmente passar um norte dos caminhos a trilhar e agir em Gestão Estratégica Executiva.

➡#####Abaixo segue informações detalhadas e o link de download completo:

Em uma Gestão estratégica Corporativa ou não, o mais importante é o equilíbrio de ser sintético ou analítico.

Bom, iniciamos já fortes em duas palavras, assim como direcionando no equilíbrio destas, mas conforme formos discorrendo por todo esse livro vamos perceber como trazem um diferencial brutal para qualquer profissional entender e praticar diariamente na sua vida profissional.

Conforme formos explanando durante todo o livro, vamos explicar e entender melhor essas 02 palavras tão ditas (jargões) dentro de um ambiente corporativo.

Iniciamos já com alguns conceitos:

– Sintético é o resumo mais executivo do analítico;

– Já o Analítico são todos os dados necessários para gerar esse resumo executivo do sintético;

Parece um pouco confuso no início, mas é bem mais simples que imagina na prática, mas se percebermos com calma a palavra equilíbrio tem fundamentação.

Vamos lá: Um Gestor precisa de todas as informações geradas para um relatório dos chamados vírus de todos os departamentos e usuários da empresa?

Ou somente precisa saber as principais informações como: Qual vírus foram os que trouxeram maiores problemas, Departamentos mais envolvidos, e ações macros que estão sendo realizadas, a curto, médio e longo prazo? Projetos Macros de melhorias? Produtos, Ferramentas, Frameworks, Soluções?, enfim…

Será por aí nossos entendimentos em cima desse assuntos e nas duas palavras sintético ou analítico.

[Importante] vamos deixar claro que existem outros pontos que também que precisamos trabalhar e lapidar sempre, mas esse timing (tempo) em ser sintético ou analítico é fundamental para o profissional e a empresa, assim como para a nossa vida pessoal também.

Outro ponto importante da análise em ser sintético ou analítico, se passam por devidas prioridades em alguns pilares em base de uma fórmula:

GEep=C+E+T+D+S

Conhecimentos (Acadêmico + Certificações + Soluções Corporativas) + Experiências (do dia-a-dia) + Timing (tempo customizado em cada situação para aplicar os frameworks, tecnologias, ferramentas e soluções) + Desenvolvimento de Atividades Gestão e Liderança + Sabedoria que é a somatiza de tudo (C+E+T+S) adaptada sempre para o negócio em questão, formando com isso a Gestão Estratégica Executiva e Prática.

Prefácio

A estratégia executiva com seu imbróglio simplificado.

Abertura

A busca incessante da melhoria contínua e integração da Gestão Executiva de forma simples e prática, através da inovação (visão – FOL).

Capítulo 01 – Descobrir seu lado Gestor (mínimo líder)

Capítulo 02 – Os grandes Líderes que se acham líderes (Arbitrariedades)

Capítulo 03 – A experiência de Ouvir (Arte que nos ensina)

Capítulo 04 – Erros calculados X Erros de aprendizados X Erros pífios

Capítulo 05 – A motivação motivada pelo conhecimento

Capítulo 06 – Conceitos ambiguous

Capítulo 07 – Quando queremos e a concatenação do sincronismo

Capítulo 08 – A apresentação que muda toda uma história

Capítulo 09 – De fato o paradigma tem que ser quebrado

Capítulo 10 – Problemas Interpessoais X Combate opcional

Capítulo 11 – A produção do sucesso é a cada momento

Capítulo 12 – A busca Divina para o equilíbrio

Capítulo 13 – Conceitos X Prós e Contras

Capítulo 14 – Unir seu talento técnico e de gestão de forma sistêmica e dinâmica

Capítulo 15 – A perfeição X Pragmatismo

Capítulo 16 – Promessa x Realidade

Capítulo 17 – Sensores neurais mais aflorados da parte de inteligência

Capítulo 18 – Humildade é a dose certa para arrogância e intolerância

Capítulo 19 – Em assuntos desconhecidos o ensinamento mostra um portal de peculiaridades

Capítulo 20 – Ser multitarefa não é tão complicado o quanto é fazer que é multitarefa

Capítulo 21 – Na Linha Tênue (usar a Queue e TimeSheet)

Prefácio – A estratégia executiva com seu imbróglio simplificado.

Em uma Gestão estratégica Corporativa ou não, o mais importante é o equilíbrio de ser sintético ou analítico. A devida prioridade, de fato, dar-se pelo seu conhecimento e experiência, mas saber o timing (tempo) e a sensibilidade para tal, irá fazer a diferença, formando tudo isso é ser estratégico sempre.

Abertura – A busca incessante da melhoria contínua e integração da Gestão Executiva de forma simples e prática, através da inovação (visão FOL).

Sempre que visualizo os problemas, a primeira percepção que passa pela minha cabeça é como faço para ter uma visão macro do que está acontecendo e já em paralelo criar pequenos planos de ações com Quick wins (ganhos rápidos) e outras ações a longo prazo.

Claro que a forma pragmática que analiso, muitas das vezes me faz tomar as decisões de forma mais lenta e cirúrgica em cada passo, com o passar do tempo visualizei que esta dosagem é muito importante para o sucesso como gestor, no qual, em alguns casos que éramos lentos antes, agora somos bem mais rápido.

De fato, quando lembro da infância, da minha convivência, e dos esportes que praticava, não me via como Líder ou Gestor, sempre de forma muito intrínseca me preocupava em ser o melhor cada vez mais no que fazia, mas não olhava a forma como era feito e alguns planejamentos.

Percebi mesmo que tinha este DOM, foi mesmo na área profissional e hoje acabou trazendo para tudo que faço inclusive no meu lado pessoal.

Esta forma de ver e inovar começou no meu lado didático, quando iniciei ministrando Cursos de Hardware, Rede, Office dentre outros.

Onde foi mais precisamente nos Cursos de Hardware que a visão de inovar aconteceu pela primeira vez, onde aflorou de uma forma abrupta e surpreendente.

cap1

Capítulo 01 – Descobrir seu lado Gestor (mínimo líder)

A palavra descoberta, aparentemente subjetiva e com ar de liberdade, pode nos levar a caminhos desconhecidos e DOMS (poderes) jamais previstos, programados e inimagináveis, principalmente pelo fato dessas descobertas serem honerosas e cheia de percalços.

O receio em torno desta aparentemente “conotação subjetiva” por alguns, infelizmente pode criar um abismo de incertezas e grandes desafios, iremos debugar (explicar melhor), este assunto mais adiante com maiores detalhes, mas como fruto desta conotação, os seus poderes reprimidos podem não serem descobertos, novos horizontes e metas também podem ficar mais longe, fazer acontecer é fundamental, o mundo pertence a quem se atreve.

Neste mundo de descobertas encontrar o seu lado Gestor, Líder e Técnico, realmente não é uma tarefa fácil.

Nesta competição que vivemos hoje, seja em qualquer área, conseguir visualizar e entender o que está acontecendo, trabalhar em equipe, analisar e propor melhorias, são ações default (padrão) para um profissional médio pra cima de TI, assim como em qualquer outra área.

“PODEMOS DIZER QUE O BOM ESTÁ NA EFICIÊNCIA E O ÓTIMO NA EFICÁCIA, “O ÓTIMO É INIMIGO DO BOM”, NÃO PODEMOS ESQUECER DISSO”

“SER GESTOR É UMA ARTE E ESTRATÉGIA, PODEMOS ATÉ DIZER COMO NUMA GUERRA ONDE A TÁTICA MAIS ENGENHOSA É A QUE CONSEGUE SAIR DA TEORIA PARA A PRÁTICA, DENTRE VÁRIAS OUTRAS ESTRATÉGIAS, SEM DÚVIDA ESSA PODE SER UM DOS CAMINHOS PARA VENCER, A SUA EXPERIÊNCIA É QUE SERÁ O SEU TERMÔMETRO DE FAZER A ARTE NESTA GUERRA ESTRATÉGICA”

cap2

Capítulo 02 – Os grandes Líderes que se acham líderes (Arbitrariedades e Imposição pelo poder)

Aproveitando o ensejo do Gestor e Líder, vimos que para alguns são necessárias várias fases para enxergar, já para outros é nato, outros basta algumas situações para assumir seu potencial e crescimento.

Mas sem dúvida algum o pior dos casos, são aqueles impostos no cargo por algum motivo escuso (Ex: politicagem que é um dos grandes males), ou que, pela sua ascensão como técnico são promovidos a Líder ou Gestor, um dos piores males para ambos os lados, porque pode prejudicar terrivelmente a vida desse profissional e das pessoas lideradas, geralmente esse caso sempre aconteça, principalmente quando a empresa está sem visão de processos, falta de recursos financeiros para contratar, dentre outros.

Dica Rápida: trabalhe sempre por processos.

Entender os processos da empresa é o primeiro grande passo que precisa ser dado, estes trazem habilidades e trazem o valor necessário.

Mais retornando ao cenário de algumas imposições nos cargos de liderança ou gestor, seja de forma escusa ou pela ascensão, o final disso já sabemos, é quase sempre um desastre e a perda de um excelente técnico e o ganho de um Gestor despreparado e arbitrário, consequentemente perda do potencial de toda uma equipe abaixo deste Gestor ou Líder, nem que esta perda seja de recursos, porque uma equipe técnica preparada consegue mostrar sempre seu trabalho de alguma forma.

“NO MUNDO CORPORATIVO DE HOJE, PRINCIPALMENTE NO BRASIL QUE VIVEMOS, ENCONTRAR ESTES JURÁSSICOS IMPOSTOS, OU QUE TAMBÉM PELA ANTIGUIDADE VIRARAM GESTORES, NÃO É DIFÍCIL. COMO SUPRACITADO O QI (QUEM INDICA) E FALTA DE OPÇÃO PARA OCUPAR OS CARGOS, JUNTANDO COM A INFLUÊNCIA (SER POLITICO + POLITICAGEM), É TODO UM TEMPERO PARA OCUPAR ESTES CARGOS”

“É EXATAMENTE NESTE MOMENTO QUE VOCÊ CRESCE E PRECISA CRESCER COMO UM TODO”

cap3

Capítulo 03 – A experiência de Ouvir (Arte que nos ensina)

Quando nos deparamos com situações em que nos sentimos extremamente confortáveis, ou que dominamos, muitas das vezes acabamos em alguns casos não ouvindo ou procurando entender o que a(s) outra(s) pessoa(s) quer nos passar, ou demonstrar.

É justamente aonde perdemos grandes oportunidades de aprender, ensinar, compartilhar, fazer networking, enfim deixar de ganhar e acrescentar, bem diferente não?

A linha tênue do perigo pode estar aí, e estar justamente quando esses alertas importantes precisam ser realizados ou iniciados.

Ouvir de fato não é difícil, mas a arte de saber Ouvir, somente com muita sabedoria e a experiência que é aprendido e assimilado na sua essência e fineza, infelizmente para outros é necessário sentir e ver isso nas dores que a vida apresenta.

A experiência e seus DOMS’s, ingrediente perfeito para cometer erros e estar perto da navalha de desconfianças e todo um trabalho perdido. 

Sim, solamente sim, rever os conceitos é sempre muito bom para o seu sucesso.

Untitled 

“A EXPERIÊNCIA E SEUS DOMS’S, INGREDIENTE PERFEITO PARA COMETER ERROS E ESTAR PERTO DA NAVALHA DE DESCONFIANÇAS E TODO UM TRABALHO PERDIDO”

SIM, SOLAMENTE SIM, REVER OS CONCEITOS É SEMPRE MUITO BOM PARA O SEU SUCESSO”

➡Link do Vídeo do Autor:

➡Link de Download do Ebook Grátis:

https://juliobattisti.com.br/md/ebook-aprendizados-desafios-gestao-estrategica/index.asp

➡Link completo e a compra do Livro Físico no link abaixo:

🎯 🔵 📚 [CHEGOU MEU 2º LIVRO -> APRENDIZADOS E DESAFIOS DA GESTÃO ESTRATÉGICA CORPORATIVA DE UMA FORMA EXECUTIVA E PRÁTICA – 2ª EDIÇÃO – 190 páginas] 📚 ✌

http://bit.ly/2vOrfqy

Te desejo uma excelente leitura.

Abraços FOL!

Sobre Fábio FOL

Profissional com mais de 17 anos de experiência em empresas Multinacionais, de Petróleo,Governo Federal,Ministério de Minas e Energia e Centros Autorizados Microsoft.Experiência em ambientes 24/7 e de missão crítica,Site de Contingência, Relacionamento com parceiros.Atuação,Implantação e gerenciamento em projetos de Infraestrutura física e lógica, Wireless Corporativa e outros.Certificados da Microsoft, Itil e Pmbook (Projetos),todos relacionados com infraestrutura, Gerenciamento, Soluções voltadas para estações de trabalho, Clientes Corporativos e Servidores High End.Forte em liderança de pessoas, Itil Melhores Práticas em TI, Gerenciamento e Gestão de projetos, Mapeamento de processos.Conhecimentos avançados no pacote Office da Microsoft e produtos voltados para colaboradores corporativos como: SharePoint e Mensagem Instantânea. Criação de Projetos Básicos e SOX (Alinhamento de Processos). Conhecimento Avançados em Sistemas operacionais Server Windows e File Server Linux, Hardware de Computadores, Desenhos Técnicos, Cobit, tendo como foco Administração de Redes e Gestão. Enfim, ser sempre visionário e estar preparado para todos os recursos que a empresa possuir, sempre procurando agregar conhecimentos na busca incessante pela boa formação profissional, ainda, caso se faça necessário ajudar à integração e valoração da equipe, para que os benefícios venham como conseqüência, contudo, sinto-me preparado para o cargo em que no momento vislumbro junto à empresa a fim de contribuir com a sua trajetória, sendo parte integrante da mesma.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: